DE VOLTA À NATUREZA | Living Design
462
post-template-default,single,single-post,postid-462,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-17.2,qode-theme-bridge,disabled_footer_bottom,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-5.6,vc_responsive

DE VOLTA À NATUREZA

Por centenas de anos, cidades e cultivo de alimentos caminharam de mãos dadas. Afinal, foi o início da agricultura que deu origem aos primeiros assentamentos humanos. Mas com a Revolução Industrial tudo mudou.

A tecnologia desenvolvida à volta do transporte e da preservação da comida tornou possível entregar mercadorias em longas distâncias e armazená-las por mais tempo, fazendo com que o processo da agricultura passasse a ficar invisível aos centros urbanos.

Considerando que nos próximos 50 anos serão consumidos mais alimentos do que nos últimos 10 mil anos, repensar uma alternativa ecológica em meio às mudanças climáticas é imperativo. E foi olhando para essa relação entre comida, moradia e o futuro do nosso planeta que surgiu o projeto conceitual The Farmhouse, criado pelo casal de arquitetos Fei (36), chinesa, e Chris Pretch (35), austríaco, do Studio Precht.

A obra, segundo a dupla, faz parte de um esforço atual em reconectar arquitetura e agricultura. Acho que perdemos essa conexão física e mental com a natureza e esse projeto pode ser um catalisador para que voltemos a entrar em contato com o ciclo de vida do meio-ambiente”, diz Chris Precht.

O resultado é uma fazenda urbana modulável e vertical, que, no futuro, poderá ser vista no mundo inteiro. Feito de madeira laminada cruzada, os módulos triangulares pré-fabricados são combinados para formar espaços de convivência e cultivo de alimentos. Já os módulos de habitação podem ser personalizados de acordo com o tamanho da família e contam com um sistema integrado de eletricidade e isolamento.

 

No Comments

Post A Comment